Armaria, mermã! Conheça e aprenda a falar o Piauiês

há 1 semana

Armaria, mermã! Conheça e aprenda a falar o Piauiês

Créditos: Conheça o Piauí

“Mermã, eita quintura. Nam! Isturdia me deu até uma gastura. Armaria!”. “Quando pensa que não, eu olhei e tava quase 40 graus”. “Mãe, ele tá caçando conversa comigo”. Menino, deixa de ser abestado”. “Oxi, chuva no br-o-bro??”.

Conhece essas conversas? Sabe o que significa essas expressões?

Quem é piauiense sabe bem. Mas se você não é, nós apresentamos: esse é o chamado Piauiês, nosso jeito de falar. Não, não se trata do nosso sotaque. Dizem até que a gente fala “cantando”. Trata-se de expressões que usamos ao nos comunicarmos.

E antes de mais nada, não é errado falar assim. Esse é um dialeto característico do Piauí e que faz parte da nossa identidade. Tanto é que, em 2013, o Piauiês tornou-se patrimônio Cultural e Imaterial do Piauí.

Assim como atrativos turísticos naturais, históricos e nossa rica culinária, conhecer o Piauí é também saber como a gente fala. Por isso, nós do Conheça o Piauí vamos mostrar para vocês algumas expressões do Piauiês. Simbora?!

#Como é o falar piauiense

De acordo com a pesquisadora Hélen Cristina da Silva, “a partir das misturas entre os povos, colonizadores, escravos e indígenas, surge o falar piauiense. Essas variações no linguajar piauiense são atribuídas, também, aos colonizadores paulistas, sendo denominadas, à época, “arraiá dos paulistas” as fazendas onde cultivavam a terra e criavam gado.

Segundo o historiador Nunes (1975), isso ocorreu pelo fato de os primeiros residentes serem de São Paulo, Domingos Jorge Velho e os que o acompanhavam”.

E junto com esse nosso falar piauiense estão os “mermã”, os “armaria”, os “oxi”, os isturdia” e demais expressões bem típicas do Piauí. Elas já foram tema de inúmeras reportagens, de documentário, já fizeram e fazem parte de letras de músicas, ganharam enciclopédia e, claro, está no nosso dia a dia, em cada diálogo.

#Aprenda o piauiês

E para deixar você por dentro de uma boa conversa com um ou uma piauiense, confira algumas expressões bem famosas do Piauiês.

Mermã – contração de minha + irmã
Isturdia – expressão usada para dizer “um dia desse”
Armaria – contratação de ave maria e que indica admiração, espanto, raiva...
Gastura – Mal estar, náusea
Oxi – uma exclamação que indica “Sério?!”
Br-o-Bró – expressão que se refere aos meses mais quentes do ano no Piauí: setemBRO, outuBRO, novemBRO e dezemBRO
Caçar conversa – provocar alguém
Abestado – alguém meio inútil, otário ou que não entende nada
Vixe – expressão que indica “Nossa!”
Só o pau da placa – bêbado
Baixa da égua – para se referir a algum lugar que é muito longe
Banhar – tomar banho
Borimbora – vamos embora
Frescar – fazer uma brincadeira ou “é só brincadeira”
Rebolar no mato – jogar fora
Massa – algo que é muito bom
Paia – algo que é ruim
Meu fi/Minha fia – meu filho/minha filha
Diabéisso – indica “que diabo é isso”; expressão de deboche, de espanto
Istruir – desperdiçar, estragar
Mangar – fazer chacota, zombar, rir de alguém
Marmota – algo estranho
Nem fede, nem cheira – indica “tanto faz”
Bem ali assim – indica “ali”
Bem aqui assim – indica “aqui”
Budejar – falar muito
Desdrobo – enganar, levar na conversa
Quede – indica “cadê”
Aí dento – resposta a alguma provocação
Saliente – alguém que é pra frente, apresentado, atirado, assanhado, metido
Moiado – feio
Ô fole – bagunça, descontrole
Hum nam – indica “não”
Custar – demorar
Pelejar – tentar de forma exaustiva
É o novo! – gozação com algo ou alguém muito velhos
 
São inúmeras as expressões que compõem o nosso piauiês. Essas são apenas algumas para que você fique por dentro. Tem muito mais!

E então, você piauiense, qual você usa mais? E você que não é piauiense, já conhecia alguma? E qual gostou? Conta para a gente nos comentários.
 
 
 
 

0 comentários Realize o login ou cadastre-se, e entre na conversa !
Usuário

CONHEÇA MAIS:

Enviar
Inscreva-se e receba e-mails com os últimos destinos de viagem do Conheça o Piauí
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório