Cachoeira do Urubu, em Esperantina, a mais famosa cachoeira do Piauí

há 6 meses

Cachoeira do Urubu, em Esperantina, a mais famosa cachoeira do Piauí

Créditos: Divulgação

“Lá na pedreira rola da cachoeira uma água forte pra me banhar, uma água forte pra me banhar...”. Esses versos da cantora Maria Bethânia poderiam ter sido muito bem feitos para o nosso destino, pois cabem perfeitamente para a cachoeira do Urubu.

Além de ser muito bem caracterizada por esses versos, podemos dizer que essa cachoeira é a mais conhecida do Piauí, tanto pelos piauienses quanto por pessoas de outros estados.

A cachoeira do Urubu é a atração do Parque Ecológico Cachoeira do Urubu, que fica entre os municípios de Esperantina e Batalha (é neste onde tem também a do Xixá e dos Almeidas).

Essa cachoeira está a 180 km de Teresina e a 18 km do centro de Esperantina. Para chegar até o parque que a abriga, o acesso se dá pela PI-211, no sentido de quem sai de Esperantina rumo ao município de Joaquim Pires.

Como sua viagem já começa por aqui, vamos agora saber mais sobre como é essa cachoeira e o que fazer por lá.

#Como é a cachoeira do Urubu

Antes de mais nada, sabe por que urubu no nome dela?

A denominação se deve à variação que ocorre no nível do rio que a forma, e isso faz com que os peixes fiquem “presos” por entre as rochas, o que atrai a ave urubu-rei para se alimentar desses peixes. Em determinado momento, é possível ver um revoada de urubus sobrevoando a cachoeira.

Bom, passado esse momento curiosidades, vamos adentrar por entre atrativo turístico marcante de nosso estado.

Pedimos aqui uma licença poética para fazer uma comparação. Podemos dizer que a cachoeira do Urubu é a Catarata do Iguaçu do Piauí.

Guardadas as devidas proporções, a força da natureza é algo semelhante por aqui, com um impressionante balé das águas. Nessa parte do Piauí o rio Longá nos presenteia com diversas cascatas, tendo 12 metros a maior delas.

Entre os meses de janeiro e maio, quando as chuvas ocorrem em nosso estado e o volume do rio fica maior, a imagem da cachoeira do Urubu se torna quase surreal de tão forte e esplêndida que ficam as correntezas e quedas d’água.

Para contemplar ainda mais de perto, uma passarela de 400 metros permite o nosso acesso às duas margens do rio e sentir toda a energia e fluidez das águas, o barulho do seu fluxo, os pingos que nos refrescam e a observação próxima dessa performance ímpar da natureza.

Como se já não bastasse tudo isso, há uma outra bela exibição a parte: a piracema. Esse termo refere-se ao período em que os peixes procuram as nascentes para que eles possam desovar.

Para isso, eles saltam por entre as quedas d’água, e podemos ver esses bichinhos perpetuando a espécie em uma cena emocionante. Na Piracema, é expressamente proibida a pesca.

#O que fazer na cachoeira do Urubu

Como falamos, essa cachoeira é a principal atração do Parque Ecológico da Cachoeira do Urubu. Esse parque, criado em 1997, é um área de proteção ambiental e possui mais de 3 mil hectares.

Com entrada gratuita e repleto de atributos, passear nele é uma grande vivência. A começar pela contemplação da cachoeira do Urubu e no banho que podemos tomar nela, nas partes que são propícias e nas variadas piscinas naturais que se formam ao longo do espaço.

O parque está justamente localizado em uma região turística denominada de Polos das Águas, que compreende dezessete municípios do norte do Piauí. Então, “banhar” na natureza é a primeira das opções.

Podemos ainda fazer trilhas e aproveitar a agradável sensação que a vegetação do local nos dá, que é formada por cerrado, caatinga e palmeiras de carnaubais.

Ao redor da cachoeira também tem certa infraestrutura turística, com bares, restaurantes, barraquinhas, parte de esportes, área para camping, banheiros e também um ponto de salva-vidas, onde fica um bombeiro.

Ainda se faz necessária uma revitalização e melhor organização em alguns quesitos, mas nada que impeça a sua visita desde já.

Embora a época de chuvas no Piauí seja entre janeiro e maio, momentos em que a cachoeira do Urubu fica deslumbrante, do jeito que a gente quer ver, o melhor período para ir é de maio até julho, que é quando dá também para tomar um banho sem uma força da água muito grande.

Já entre os meses de setembro e dezembro, com o sol nosso de sempre, a cachoeira fica praticamente seca, onde ficam à mostra as formações rochosas que a completam.


 
Gostou do início da sua viagem aqui com a gente? Agora é hora de seguir nossas dicas, reunir os amigos, a família e pegar o caminho rumo a cachoeira do Urubu. Depois conte para a gente nos comentários o que achou desse passeio. 
 
 
 

0 comentários Realize o login ou cadastre-se, e entre na conversa !
Usuário

CONHEÇA MAIS:

Enviar
Inscreva-se e receba e-mails com os últimos destinos de viagem do Conheça o Piauí
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório