O que fazer no Cânion do rio Poti e onde se hospedar no acesso por Castelo e Juazeiro

há 4 semanas

O que fazer no Cânion do rio Poti e onde se hospedar no acesso por Castelo e Juazeiro

Créditos: Juscel Reis

O cânion do rio Poti é imenso em todos os aspectos. Faltam páginas para falar de tudo que esse lugar nos proporciona. Mas como a gente não deixa passar nada, seguem mais detalhes sobre esse lugar singular e que muito nos deixa em estado plena admiração.

Em outra matéria falamos sobre como é o cânion do rio Poti e como chegar até lá, como você pode ver aqui. Agora segue para você nossas dicas do que fazer por lá e onde se hospedar. Vamos nessa?!

#O que fazer no Cânion

Além do ecoturismo, desfrutando de tamanha magia e beleza e desbravando cada caminho, você também terá no cânion um lugar ideal para boas aventuras.

Para quem quiser praticar canoagem, o trecho conhecido como Poço do Canelão é o ponto propício para isso. Em outros trechos também é possível dar bons mergulhos pela água cristalina desse leito do rio Poti.

Foto: Juscel Reis

Além disso, você pode navegar por 8 km do rio, por meio de uma embarcação própria. O contato para quem quiser contratar o passeio de barco é o do Ferdinando, pelo telefone (86) 98151-5173 ou (86)98105-1803. O valor para navegar por certa extensão do rio no cânion custa R$50,00 por pessoa. Na lancha cabem até 10 pessoas.

Esse passeio pode ser tanto feito sem necessidade de que você desça da lancha ou, se preferir, o condutor pode deixar você em algum ponto do cânion para que aproveite como puder, só combinando o horário de retorno da lancha para pegar você e levar de volta.

E também com o Ferdinando, você pode alugar churrasqueira ou outros utensílios e fazer seu próprio churrasco, fazendo das grandes pedras em toda a extensão do cânion, o seu ponto de apoio. Só não deixe lixo no local!

Outras atividades como rapel, trekking e slackline e também a possibilidade de acampar são outras boas opções para os visitantes aproveitarem ao máximo cada detalhe. Essas atividades são organizadas pela equipe Adrenalina, a mesma que também organiza a ida até o cânion. Você pode entrar em contato com o Mauricio, por meios dos telefones (86) 999973-6851 / 98177-0924.

#Onde comer e se hospedar

A entrada específica para o cânion se dá pela fazenda do Enjeitado, que também acaba por ser um ponto de apoio para os turistas. Nessa fazenda não há energia elétrica, apenas uma placa solar para alimentar o sinal de wi-fi.

Também é nessa fazenda onde o turista pode desfrutar, com mais proximidade, de uma alimentação, como café da manhã, almoço e jantar. Dentre o cardápio tem:

- galinha caipira e acompanhamentos, que custam em média  o valor de R$100,00

- capote frito ao molho ou com arroz, que também custa R$100,00

- “merenda da noite”, no valor de R$10,00 por pessoa, com cuscuz, tapioca, ovo, café e leite

Uma curiosidade sobre a fazenda é que nela há um muro de pedra construído por escravos, há mais de 300 anos, que servia para delimitar a área.

Para quem quiser dormir, a proprietária da fazenda, a dona Leni Lima, também disponibiliza espaço para acampamento. O contato dela para reservas é o (86) 98117-9894.

Quem quiser visitar o cânion também há a possibilidade de se hospedar em hotéis e pousadas em Castelo do Piauí ou no município de Juazeiro do Piauí, com o acesso por lá para o cânion. Em Juazeiro, uma dica de hospedagem é no hotel Posto Juazeiro, com seis quartos disponíveis com valor em média de R$40,00 por pessoa

Já em Castelo do Piauí você pode ficar no Canyon Poty Hotel, que é de propriedade da mesma pessoa que faz o passeio de barco, o Ferdinando. Os contatos dele são o (86) 98151-5173 ou (86)98105-1803

#Período para visitar o cânion

Como a época de chuvas no Piauí deixa o acesso ao cânion um pouco mais difícil, o melhor período para visitar a região é depois das chuvas, mais precisamente entre os meses de julho e dezembro. Mas se você tem espírito aventureiro, todo dia é dia de ir ao cânion do rio Poti.

 

Agora sua viagem está completa, hein! Clicando aqui você confere como é o cânion, como se deu sua formação e o que encontrar por lá. E se tiver mais alguma dica do que fazer no cânion do rio Poti, ou onde se hospedar, manda para a gente nos comentários!

Boa viagem e até a próxima parada!

 

0 comentários Realize o login ou cadastre-se, e entre na conversa !
Usuário

CONHEÇA MAIS:

Enviar
Inscreva-se e receba e-mails com os últimos destinos de viagem do Conheça o Piauí
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório