Um pouco do Egito no Piauí: a pirâmide que virou atração turística em Castelo

há 1 ano

Um pouco do Egito no Piauí: a pirâmide que virou atração turística em Castelo

Créditos: Conheça o Piauí

Não precisa você ir até o Egito para ver uma pirâmide. Claro que não chega a ser toda a grandiosidade de exemplares históricos como as de Quéops, Quéfren e Miquerinos do país africano. Mas no Piauí existe uma ao seu alcance e que remete à lembrança das egípcias. É a pirâmide no município de Castelo do Piauí, de fácil acesso e que se transformou em um ponto turístico.

Localizada na ECB Rochas Ornamentais, a pirâmide é uma grata surpresa para quem imaginava que jamais encontraria algo parecido em pleno interior nordestino.

A pirâmide foi formada através da extração de minérios no local e que é realizada pela empresa ECB – Rochas Ornamentais, que se dedica à extração, beneficiamento e exportação de rochas ornamentais, principalmente quartzitos.

Os profissionais foram extraindo camadas de minério até toda essa atividade ter resultado em um formato no que, tecnicamente, eles chamam de prisma de marcação, mas para todos, é uma pirâmide.

A ideia de deixar em formato de uma pirâmide foi para que ficasse registrado o que era geologicamente essa área. E no que foi moldada para trabalho, comercialização e estudo, hoje é um monumento turístico e que recebe visitantes com o objetivo de conhecer, tirar foto, de realmente fazer turismo.  

#Como é a pirâmide de Castelo

E realmente vale a visita! Toda a simetria do monumento, a cor, o espaço com um terreno aberto, seco, tendo ao meio esse algo diferente e que muitos só veem por meio de imagens na internet, na TV, em livros, fez dessa pirâmide uma atração, o que mostra o olhar diferenciado da população local para o turismo e a percepção do que se pode extrair de potencialidades para isso.

E tem muito minério ainda para ser explorado, o que, consequentemente, deixará a pirâmide com altura ainda mais elevada e se mostrará ainda mais majestosa. Foram feitos de 6 a 7 metros de extração, no que deixou a pirâmide no tamanho em que está. No entanto, o estudo da empresa nesse local tem como meta uma camada de 16 metros de minério. Então já é bom ir se preparando para se sentir em uma mistura Piauí com Egito.

#Preocupação com o meio ambiente

De acordo com a empresa responsável pela extração de minério que resultou no ponto turístico pirâmide, há toda uma preocupação ambiental, com medidas adotadas pela empresa para diminuir o impacto dessa atividade.

Antes de intensificar as atividades, a empresa teve que realizar estudos que formaram todo o seu trabalho com licenciamentos. A empresa teve que elaborar projetos de extração, que foram para o Departamento Nacional de Produção Mineral(DNPM) e também aprovado. Assim, é seguido todo o plano do se chama “plano de lavra” e ainda todo o controle ambiental.  

Em seguida às atividades, a empresa executará o plano de recuperação de áreas. 

#Quando visitar

Quem quiser visitar a pirâmide e registrar esse turismo singular e diferenciado, o local onde ela se encontra precisa de uma guia cadastrado e marcar a visitação junto à mineradora. E mesmo em se tratando de uma formação resultante de extração mineral, a pirâmide é um monumento que pode ser visitado por crianças e adultos.

E então, ficou curioso(a) para ver de perto um pouco do Egito no Piauí? 

 

Contato do guia
Luiz Melo
(86)981159-592

 

Até a próxima parada!

0 comentários Realize o login ou cadastre-se, e entre na conversa !
Usuário

CONHEÇA MAIS:

Enviar
Inscreva-se e receba e-mails com os últimos destinos de viagem do Conheça o Piauí
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório